São Paulo Companhia de Dança estreia novas obras com música ao vivo

Os meses de agosto e setembro serão marcados por duas novas obras, criadas em diálogo com 2 grandes nomes da música mundial: Leonard Bernstein e Robert Schumann. Sob direção de Inês Bogéa, a São Paulo Companhia de Dança se unirá a Orquestra Jazz Sinfônica, Coral Lírico Paulistano, ao pianista Ricardo Ballestero e vários cantores.

Em 04/08 durante o Festival Vermelhos 2018, estreia Bernstein 100, coreografias de Erika Novachi e Edson Guiu. A obra levará ao palco todo vigor da arte brasileira, apresentando números de música instrumental, canto e dança das obras que Bernstein compôs para musicais da Broadway “West Side Story”, “Candide”, “Fancy Free” e “On the Town. Nos dias 15 e 15/08, o Sesc Pinheiros receberá este mesmo espetáculo.

Apresentações entre os dias 31/08 e 02/09, marcam a estreia de Amores do Poeta, coreografias de Cassi Abranches e Milton Coatti. Um espetáculo minimalista em homenagem ao grande compositor do século XIX. Esta obra traz para a cena um verdadeiro caleidoscópio das relações humanas, expressando amores e desencantos. Acompanhados por músicas de Schumann, executadas pelo pianista Ricardo Ballestero, a obra será destaque na série Música de Câmara do Theatro São Pedro.

“É uma alegria participar destes grandes encontros de artistas homenageando Bernstein e Schumann com dança, coro e música dando vida a novas ideias. Obras intensas e reveladoras que falam de emoções atemporais e levam para o palco a delicadeza e a força do encontro de pessoas e das artes. ”
Comenta Inês Bogéa.

Obras

Bernstein 100 (2018) | Estreia

Direção Geral: Samuel Mac Dowell de Figueiredo
Encenação: Ulysses Cruz
Música: Leonard Bernstein
Orquestra Jazz Sinfônica
Regência: João Maurício Galindo
Coro: Coral Paulistano
Regência: Naomi Munakata
Solistas: Camila Titinger, soprano | Luciana Bueno, mezzo-soprano | Daniel Umbelino, tenor | Johnny Lima, barítono
São Paulo Companhia de Dança
Direção Artística: Inês Bogéa
Coreógrafos convidados: Erika Novachi | Edson Guiu
São Paulo Companhia de Dança, Bailarinos: Beatriz Hack, Carolina Pegurelli, Ísis Soares, Larissa Guerra, Laura Barbosa, Michelle Molina, Poliana Souza, Bruno Veloso ou Mozart Mizuyama, Felipe Vasques, Gabriel Fernandes, Geivison Moreira, Luan Oliveira, Matheus Queiroz e Vinícius Vieira
Iluminação: Wagner Freire
Figurinos: Balletto por Luciana Mantegazza

Inspirada nas principais obras de Leonard Bernstein para a Broadway, este espetáculo reflete as inquietudes do compositor, pianista e maestro, através de uma jornada pelos musicais West Side Story, Fancy Free, On the Town e Candide. Somado a tudo o que Bernstein representou, da importância da sua obra erudita à defesa da transição entre os gêneros eruditos e populares e a sua atuação como maestro das principais orquestras do mundo, nasce Bernstein 100. É o homem renovador, emocional e provocador, sempre determinado a romper fronteiras!

Amores do Poeta (2018) | Estreia

Estreia no Theatro São Pedro
Direção e cenografia: William Pereira
Direção Musical: Ricardo Ballestero
Iluminação: Caetano Vilela
Solistas: Carla Cottini, soprano | Luciana Bueno, mezzo-soprano | Giovanni Tristacci, tenor | Vinicius Atique, barítono

São Paulo Companhia de Dança
Direção Artística: Inês Bogéa
Coreógrafos: Milton Coatti e Cassi Abranches
Bailarinos: Ana Paula Camargo, Diego de Paula, Luan Barcelos, Michelle Molina, Mozart Mizuyama e Paula Alves.
Figurinos: Plié | Highstil
Correalização: Santa Marcelina Cultura e Associação Pró-Dança

Um espetáculo minimalista em homenagem a um grande compositor do século XIX. Esta obra traz para a cena um verdadeiro caleidoscópio das relações humanas, expressando amores e desencantos. Acompanhados por músicas de Schumann, executadas pelo pianista Ricardo Ballestero, Amores do Poeta propõe uma experiência sensível e potente ao público.

São Paulo Companhia de Dança

Criada em janeiro de 2008, a São Paulo Companhia de Dança (SPCD) – gerida pela Associação Pró-Dança – é dirigida por Inês Bogéa. A SPCD é uma Companhia de repertório, ou seja, realiza montagens de excelência artística, que incluem trabalhos dos séculos 19, 20 e 21 de grandes peças clássicas e modernas a obras contemporâneas especialmente criadas por coreógrafos nacionais e internacionais. A difusão da dança, produção e circulação de espetáculos é o núcleo principal de seu trabalho. A SPCD apresenta espetáculos de dança no Estado de São Paulo, no Brasil e no exterior e é hoje considerada uma das mais importantes companhias de dança da América Latina pela crítica especializada, acumulando 17 prêmios no Brasil e no exterior. Desde sua criação já foi assistida por um público superior a 620 mil pessoas, passando por 67 cidades do Estado de São Paulo, 17 cidades do Brasil e 51 cidades do exterior em 16 países em mais de 800 apresentações.

Os Programas Educativos e de Formação de Plateia para a Dança, outra vertente de ação da SPCD, vem no movimento da Companhia a cada cidade por onde ela passa e encontra pessoas que apreciam e praticam a arte da dança. Nas Palestras de Dança temos a oportunidade de diálogo sobre os bastidores dessa arte, nas Oficinas de Dança, um encontro para vivenciar o cotidiano dos bailarinos da SPCD, nos Espetáculos Gratuitos Para Estudantes e Terceira Idade a proposta é de ver, ouvir e perceber o mundo da dança, e por meio do Dança em Rede, uma enciclopédia de dança online e colaborativa disponível no site da Companhia, mapeamos a dança de cada cidade por onde a SPCD passa. A Companhia também promove espaços onde interessados na arte da dança possam compartilhar experiências. Assim criou o Seminário Internacional de Dança, que visa abordar a prática da dança em diferentes perspectivas e o Ateliê Internacional São Paulo Companhia de Dança, evento que proporciona um ambiente de arte, permitindo um estudo teórico-prático de técnicas de dança. Além destes, os programas educativos também compreendem: Projeto Meu Amigo Bailarino; Aulas Abertas; Intercâmbio com Projetos Sociais e Performances em museus e espaços públicos.

A dança tem muitas histórias, e para revelar um pouco delas a Companhia criou a série de documentários Figuras da Dança, que traz a história desta arte contada por quem a viveu. Os episódios podem vistos nos canais Arte 1, Canal Curta!, TV Cultura e Univesp TV, e no canal da SPCD no Youtube. Até 2017 foram produzidos 34 documentários. A SPCD também publicou seis livros de ensaios, além de documentários para professores e outros que registram os bastidores da sua ação. A área de memória também conta com a realização de exposições e produção de teasers e documentários sobre a trajetória da SPCD.

Inês Bogéa

É Diretora da São Paulo Companhia de Dança. Doutora em Artes (Unicamp, 2007), bailarina, documentarista, escritora e professora no curso de especialização Arte na Educação: Teoria e Prática da Universidade de São Paulo (USP). De 1989 a 2001, foi bailarina do Grupo Corpo (Belo Horizonte). Foi crítica de dança da Folha de S. Paulo de 2001 a 2007. É autora dos livros infantis: O livro da dança; Contos do balé e Outros Contos do balé. Organizadora dos livros Oito ou Nove Ensaios sobre o Grupo Corpo; Passado-Futuro – Textos e fotos sobre a São Paulo Companhia de dança, entre outros. Na área de arte-educação foi consultora da Escola de Teatro e Dança Fafi (2003-2004) e consultora do Programa Fábricas de Cultura da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo (2007-2008). É autora de mais de quarenta documentários sobre dança, entre eles Renée Gumiel, A Vida na Pele (2005), Maria Duschenes – o espaço do movimento (2006), e da série Figuras da Dança da SPCD.

Crédito da foto: Divulgação

Serviço

Bernstein 100 (Estreia)

Dia 04 de agosto de 2018
Sábado, às 20h30
Local: Teatro de Vermelhos
Av. Governador Mário Covas Júnior, 11474-11986 – Urubu, Ilhabela – SP
Ingresso: Inteira R$ 60,00 | Meia R$ 30,00
Duração: 60 min
Classificação: Livre

Dias 15 e 16 de agosto de 20018
Quarta e quinta às 21h
Local: Sesc Pinheiros
R. Pais Leme, 195 – Pinheiros – São Paulo/SP
Ingresso: a confirmar
Duração: 60 min
Classificação: Livre

Amores do Poeta (Estreia)

De 31 de agosto a 02 de setembro de 2018
Sexta e sábado, às 20h, domingo, às 17h
Local: Theatro São Pedro
R. Albuquerque Lins, 207 – Campos Elíseos, São Paulo – SP
Valor: De R$ 7,50 (meia) até R$ 40,00 (inteira)
Duração: 1h30min
Classificação: Livre

Sigam-me

Tarcísio Cunha

Idealizador, criador e diretor geral do site Agenda de Dança. É formado em Comunicação Digital, pela UNIP, e em Ballet Clássico, pela ReveranCCe Núcleo de Dança. Atualmente é integrante do grupo que representa a escola ReveranCCe Núcleo de Dança. Atua como professor de ballet clássico na ReveranCCe e Prefeitura Municipal de Osasco.
Sigam-me

Deixe uma resposta