Programação no Sesc Consolação discute o processo de criação, a presença e a representatividade dos Corpos Negros nas Artes Cênicas

Em novembro, o Sesc SP realiza o Consciência Negra – conjunto de ações que refletem cenários, produções, personagens, saberes, gingados, memórias, crenças e valores da cultura negra.

Neste contexto, o Sesc Consolação traz uma programação instigante, intitulada “Corpos Negros nas Artes Cênicas”. Através de oficinas, dança, performance, teatro e bate-papo, promovido pelos artistas que participam do projeto, as atividades visam discutir os processos de criação, bem como a presença e a representatividade do corpo negro nas artes cênicas.

De 05 de novembro a 18 de dezembro, a extensa programação convida o público a participar, e interagir, com elementos históricos da cultura negra, voltados ao ambiente da arte. As atividades ocorrem em diversos espaços da unidade e são abertas ao público geral.

Crédito da foto: Divulgação | Cena de Leite Derramado

Faz parte da programação o espetáculo de dança Gbé ou Quando o Corpo Renasce Negro, a performance Leite Derramado, o espetáculo teatral Violento, a oficina de dança contemporânea Identidades Negras e Narrativas Corporais e um bate-papo, gratuito, com os integrantes das produções.

Violento estreia no dia 05 de novembro, às 20h, e conta a trajetória de um jovem negro, atingido por violentas abordagens policiais, encarceramento em massa, genocídio e a hipersexualização de seu corpo. Com direção de Alexandre Sena e dramatização de Preto Amparo, a peça busca desnudar, de forma poética, o racismo estrutural existente em nossa sociedade. Ainda no dia 05, tem início a oficina de dança contemporânea Identidades Negras e Narrativas Corporais. Ministrada por Edson Raphael, a atividade estimulará a investigação de narrativas corporais com base em vivências pessoais e coletivas de autorreconhecimento negro e em noções de danças afro-brasileiras tradicionais e contemporâneas.

No campo da dança contemporânea, o espetáculo solo Gbé ou Quando o Corpo Renasce Negro (22/11), criado pelo bailarino Edson Raphael, evidencia o corpo negro num manifesto político-poético, que leva o protagonista ao reencontro com seu corpo, cultura, ancestralidade, sexualidade e relações sociais. Para tal, a performance foca no processo de ressiginificar e se reapropriar da própria carne, do próprio corpo e da própria história, num movimento de aceitação e orgulho do que se é. Na sequência, na performance Leite Derramado (23/11), a artista Ana Musidora cria um autorretrato vivo das “mães pretas” ou “amas de leite”, como eram conhecidas no Brasil Colônia. Através de agulhas, linhas, peles e leite, a protagonista resgata a memória dessas mulheres, que tiveram seus corpos objetificados e destituídos de sua autonomia, servindo aos senhores de engenho, sob a tutela de um suposto amor pelo ato de servir.

Crédito da foto: Pablo Bernardo | Cena de Violento

Com mediação de Val de Souza e participações de Edson Raphael (Gbé ou Quando o Corpo Renasce Negro), Preto Amparo (Violento), Alexandre Sena (Violento) e Ana Musidora (Leite Derramando), a programação conta ainda com um bate-papo, gratuito, onde os artistas discutirão sobre o tema do projeto: Corpos Negros nas Artes Cênicas. Dia 14 de novembro, às 19h30, no Espaço Beta.

Crédito da foto destaque: Rodrigo Kees | Cena de Gbé ou Quando o Corpo Renasce Negro

Serviço

Consciência Negra | Corpos Negros nas Artes Cênicas
De 05 de novembro a 18 de dezembro de 2018
Local: Sesc Consolação
Rua Dr. Vila Nova, 245, Vila Buarque, São Paulo – SP
Informações: (11) 3234-3000

Programação

[Teatro] Violento

Direção de Alexandre Sena
De 05 de novembro a 18 de dezembro
Segundas e terças, 20h (exceto dias 19 e 20/11)
Local: Espaço Beta (capacidade: 30 lugares)
Duração: 60 minutos
Classificação: Não recomendado para menores de 16 anos
Ingresso: R$ 20,00 (inteira) l R$ 10,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor de escola pública com comprovante) l R$ 6,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculados no Sesc e dependentes/Credencial Plena).

[Oficina] Identidades Negras e Narrativas Corporais

Com Edson Raphael
De 05 a 8 de novembro, segunda a quinta, das 19h às 22h
Local: Sala Ômega
Investimento: Grátis
Inscrições na Central de Atendimento da Unidade
Classificação: Não recomendado para menores de 14 anos
20 vagas

[Bate-papo] Corpos Negros nas Artes Cênicas

Com mediação de Val de Souza
Participações de Edson Raphael, Preto Amparo, Alexandre Sena e Ana Musidora
Dia 14 de novembro
Quarta-feira, das 19h30 às 21h30
Local: Espaço Beta (capacidade: 30 lugares)
Ingresso: Grátis
Classificação: Não recomendado para menores de 14 anos

[Dança] Gbé ou Quando o Corpo Renasce Negro

Com Edson Raphael
Dia 22 de novembro
Quinta-feira, às 20h
Local: Espaço Beta (capacidade: 30 lugares)
Ingresso: Grátis
Duração: 40 minutos
Classificação: Não recomendado para menores de 16 anos

[Performance] Leite Derramado

Com Ana Musidora
Dia 23 de novembro
Quinta-feira, às 20h
Local: Espaço Beta (capacidade: 30 lugares)
Ingresso: Grátis
Duração: 20 minutos
Classificação: Não recomendado para menores de 16 anos

Deixe uma resposta