Narrativas em Dois Corpos terá apresentação em Blumenau na programação do FITUB neste domingo

Corpo que constrói tempo, carne do movimento, lapidado pelo tempo. Indissociáveis na existência, individuais nas composições possíveis. Inúmeras, milhares. As artistas Sandra Meyer e Diana Gilardenghi, duas mulheres que dedicam suas vidas ao fazer dança, estabelecem uma conversa sobre suas trajetórias, mais de 40 anos trilhados, no espetáculo “Narrativas em dois corpos”. A apresentação do trabalho será durante a programação do 31º Festival Internacional de Teatro Universitário de Blumenau – FITUB, no dia 15 de julho, às 21h, no Teatro Carlos Gomes.

Juntas, elas entrelaçam histórias com performances que envolvem lugares das cidades que pertenceram. Remexem em lembranças, suas próprias de hoje e outrora, como uma forma de convite para reviver, experimentar, reivindicar. Afinal, dança é política. Dividem o palco numa informalidade marcada por uma boa conversa, resgatando memórias de um passado tão presente, os passos que as levaram até aquele momento.

Assim, entre um plié e outro, a sucessão de movimentos repetidos – tão comuns no estudo do ballet clássico e extratos de coreografias -, aos poucos perde a rigidez. Os corpos criam seus jeitos, influenciados por tudo que veio/vem de dentro, processando tudo que veio/vem de fora, sob o contexto aberto que rege as vidas.

O videoarte Coral da ponta produzido por Alan Langdon também será exibido na programação do festival, no dia 16 de julho, às 20h30. O trabalho registra a performance das artistas Sandra Meyer e Diana Gilardenghi na Ponta do Coral – lugar de grande especulação imobiliária em Florianópolis – realizada no ano de estreia do projeto em 2016. E traz como proposta uma reflexão e conversa sobre composição em dança e relações de site specific. Todas as atividades são gratuitas.

O projeto “Corpo, Tempo e Movimento – Circulação Estadual” , de autoria das artistas Diana Gilardenghi, Milene Duenha, Sandra Meyer e Paloma Bianchi, circula em cinco cidades catarinenses por meio do Edital Elisabete Anderle 2017. E tem como objetivo investigar a relação entre o corpo, tempo e espaços públicos, ao mesmo tempo que pensa a dança em outros parâmetros e lugares. Conta com o apoio da Atitude Centro de Dança, SESC-SC, Universidade do Extremo Sul Catarinense – Unesc, Unesc em Dança, Universidade Comunitária da Região de Chapecó – Unochapecó, Fundação Cultural de Itajaí, Prefeitura Municipal de Itajaí, Universidade do Estado de Santa Catarina – Udesc, Universidade Regional de Blumenau – FURB.

Crédito da foto: Divulgação

Serviço

Narrativas em dois corpos
Sandra Meyer e Diana Gilardenghi
Dia 15 de julho de 2018
Domingo, às 21h
Local: Teatro Carlos Gomes
Rua XV de Novembro, 1181 – Centro – Blumenau/SC
Ingresso: Grátis
Classificação: 12 anos

Vídeo-arte Coral da ponta + Conversa sobre composição em dança e relações de site specific
Dia 16 de julho de 2018
Domingo, às 20h30
Classificação: 12 anos

Sigam-me

Tarcísio Cunha

Idealizador, criador e diretor geral do site Agenda de Dança. É formado em Comunicação Digital, pela UNIP, e em Ballet Clássico, pela ReveranCCe Núcleo de Dança. Atualmente é integrante do grupo que representa a escola ReveranCCe Núcleo de Dança. Atua como professor de ballet clássico na ReveranCCe e Prefeitura Municipal de Osasco.
Sigam-me

Deixe uma resposta