Grupo Musicanoar apresenta Deslugares na SP Escola de Teatro

Musicanoar Espetáculo Deslugares - foto Inês Correa

O Grupo Musicanoar (www.grupomusicanoar.com.br), formado por Helena Bastos e Raul Rachou, ocupa de 1 de abril a 23 de maio a SP Escola de Teatro, com uma série de propostas que compõe o projeto de pesquisa continuada do grupo nomeado “Corpos Transversos”, contemplado pela XVI edição do programa fomento à dança 2014 da cidade de SP.

A residência, chamada de “Entre Fluxos…Deslugares”, contempla apresentações do espetáculo “Deslugares”, a exposição fotográfica “ Rastros Deslugares e Intervenções Urbanas” e o lançamento do livro “Corpo e Cidade. Moveres entre aproximações e distanciamentos” , além de intervenções urbanas realizadas na praça Roosevelt pelos artistas que compõe o projeto “Corpos Transversos” e alunos da SP Escola de Teatro.

O Musicanoar trabalha de forma sistemática no campo da dança, estabelecendo conexões entre o fazer/pensar arte contemporânea. Neste trajeto, alguns questionamentos apontam para a interdisciplinaridade das fronteiras entre linguagens na arte contemporânea. Estas reflexões ressaltam o caráter processual próprio da dança contemporânea, que se radicaliza em certas configurações cênicas.

Para Helena Bastos, “Entre Fluxos…Deslugares” propõe um mergulho no estudo sobre espaço. Como o movimento da cidade interfere na cognição? Nesta relação o que é agir? O que é ação, o que é ato? Neste contexto, como a cidade ecoa em corpos que pensam dança?”

ESPETÁCULO DESLUGARES

O espetáculo “Deslugares”, com direção de Helena Bastos, Raul Rachou e Rosa Hercoles, é uma proposta experimental em dança contemporânea. Indica cruzamentos de diferentes linguagens artísticas. Entre bastões vermelhos, de diferentes tamanhos, todo um ambiente se delineia da fricção entre corpos e espaços. O corpo não é tratado como um objeto, mas lugares de atravessamentos.

“É possível propor diferentes disparos a cada criação coreográfica. São estudos de quedas, rolamentos, equilíbrios, deslizamentos, locomoções, escutas, padrões de movimentos, poesias, músicas e referências teóricas”, explica Bastos.

EXPOSIÇÃO: Rastros Deslugares e Intervenções Urbanas (abertura dia 08 de abril)

A exposição “Rastros Deslugares” retira dos arquivos fotografias de Inês Correa, Gil Grossi e João Caldas, desenhos e anotações para compartilhar uma história, um percurso de experiências do Musicanoar.

SERVIÇO

Deslugares
Grupo Musicanoar
Temporada de 01 de abril, até 23 de maio de 2015
Quarta a sexta, às 21h30, domingo, às 17h e 20h
Local: SP Escola de Teatro – Sala R8
Praça Roosevelt, 210 – Centro – São Paulo/SP
Ingressos: grátis
Informações: (11) 3775.8600
Duração: 60 minutos
Classificação: a partir de 10 anos
Lotação: 30 lugares