Focus Cia de Dança volta ao Rio de Janeiro com Saudades de Mim, que une em uma mesma obra Candido Portinari e Chico Buarque

A Focus Cia. de Dança retorna ao Rio de Janeiro, por meio do patrocínio da Petrobras, com um dos espetáculos de maior repercussão da companhia, Saudade de Mim, em apenas oito apresentações, no Teatro XP Investimentos, de 23 de maio a 02 de junho, de quinta a sábado, às 21h, e domingo, às 20h.

Saudade de Mim

O espetáculo, que une Candido Portinari e Chico Buarque, inicia com os acordes de “Construção” levando para cena a vida de Pedro, Maria, Bárbara, Juca, Nina, entre outros personagens, que vêm de músicas distintas de Chico, e aqui se relacionam. Todos também habitam telas e ambientes criados por Portinari. Entre o onírico e o real, a história traz dores, amores, triângulos amorosos, indo e voltando através de referências a Chico e Portinari.Para Alex Neoral, Saudade de Mim é um divisor de águas na trajetória da Focus. “Senti a necessidade de mergulhar e trazer, mais concretamente, para a dança, a presença de outras linguagens artísticas que já se esboçavam em minhas criações anteriores. Os bailarinos, além de dança, tiveram o desafio de construir personagens, entrar em uma narrativa com cenas e situações delineadas”, destaca Alex Neoral.

“A ideia não é reproduzir artes já existentes, mas, a partir da fusão de artes distintas, resultar em um espetáculo de dança contemporânea afetado pelas obras destes dois artistas”. Que ninguém espere referências diretas entre músicas e telas. Ao longo da narrativa canções como “Olha Maria”, “Trocando em miúdos”, “Valsinha” surgem na voz de Chico Buarque. De muitas formas, pinturas históricas como “O espantalho”, “Casamento na roça” e “O mestiço” de Candido Portinari, se impõem na narrativa.

Para dar corpo a Saudade de Mim, o preparo da Focus Cia de Dança incluiu aulas de interpretação com o ator Reiner Tenente, além da preparação vocal com Felipe Habib, que também assina a direção musical e criação de arranjos e canções, todas inspiradas em Chico Buarque, que completam a obra.

Dirigida por Alex Neoral, a companhia reafirma sua importância no território da dança contemporânea brasileira lançando um feito inédito na criação de Saudade de Mim: um roteiro teatral que se integra ao instigante conjunto de gestos e movimentos que consagraram a companhia carioca ao longo de sua história. O espetáculo parte da pintura de Candido Portinari e da obra de Chico Buarque para transbordar poesia em cena.

Os riscos são bem-vindos na trajetória da companhia. O incandescente As canções que você dançou para mim, inspirado na obra de Roberto Carlos, que chega em breve a marca expressiva de 300 apresentações e foi assistido por aproximadamente 120 mil pessoas dentro e fora do Brasil, como Costa Rica, México, Bolívia, Canadá, Washington e Nova York, nos Estados Unidos e Porto, em Portugal.

Sobre a Focus

Com 20 obras e 10 espetáculos em seu repertório, a Focus Cia de Dança se consagrou através da crítica especializada e sucesso de público. Apresentou-se em mais de 90 cidades brasileiras e levou sua arte para países como Bolívia, México, Costa Rica, Canadá, Estados Unidos, Portugal, Itália, França, Alemanha e Panamá. Em 2018 participou do filme ‘Eduardo e Mônica’, com lançamento previsto para 2019. Em 2017 se apresentou na última edição do ‘Rock In Rio’, ao lado de Fernanda Abreu. Em 2016 recebeu a ‘Comenda da Ordem do Mérito Cultural’, do Ministério da Cultura, maior condecoração da cultura brasileira. Com “As canções que você dançou pra mim”, que se aproxima da marca de 300 apresentações, recebeu diversas indicações a melhor espetáculo do ano, por sua criatividade e originalidade. Em 2012 foi escolhida, através da seleção pública do Programa Petrobras Cultural, a receber o patrocínio durante três anos para desenvolvimento de suas atividades, dando início a uma parceria de manutenção que segue até hoje. Foram mais de 120 mil espectadores que ficaram encantados com a poesia e a capacidade técnica lapidadas nas coreografias inovadoras de Alex Neoral e nos movimentos precisos de seus bailarinos.

Atualmente integram o elenco da companhia os bailarinos Carolina de Sá, Cosme Gregory, José Villaça, Marcio Jahú, Marina Teixeira, Monise Marques, Rafael Luz e Roberta Bussoni.

Ficha Técnica

Direção, concepção e coreografia: Alex Neoral
Com: Carolina de Sá, Cosme Gregory, José Villaça, Marcio Jahú, Marina Teixeira, Monise Marques, Rafael
Luz e Roberta Bussoni
Direção de produção: Tatiana Garcias
Consultoria de projeto: Aline Cardoso
Curadoria de Obras [Candido Portinari]: Maria Duarte
Iluminação: Binho Schaefer
Operação de Luz: Anderson Ratto
Figurinos e visagismo: André Vital
Confecção de figurinos: Jacira Garcias
Direção Musical e Trilha original: Felipe Habib
Músicas: Chico Buarque
Preparação Vocal: Felipe Habib
Arranjos, Piano e Acordeon: Felipe Habib e João Bittencourt
Mixagem: Davi Mello
Preparação de interpretação cênica: Reiner Tenente
Ambientação cenográfica: Márcio Jahú
Técnico de Palo: Rodrigo Ferreira
Assessoria de Imprensa: Daniella Cavalcanti
Fotos de divulgação: Luiz Alves e Paula Kossatz
Comunicação Visual: Infinitamente Estudio de Criação

Crédito da foto: Luiz Alves Fotografias

Serviço

Saudades de Mim
Focus Cia. de Dança
De 23 maio a 02 de junho de 2019
Quinta a sábado, às 21h, domingo, às 20h
Local: Teatro XP Investimentos
Av. Bartolomeu Mitre, 1110 (Jockey Club Brasileiro) – Leblon, Rio de Janeiro – RJ
Ingressos: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia). Além dos casos previstos em lei, colaboradores da Petrobras pagam meia.
Informações: (21) 3807-1110
Lotação: 366 lugares
Acesso para pessoas com deficiência
Duração: 85 min/ com intervalo
Classificação: 14 anos
Estacionamento pago no local

Deixe uma resposta