Espetáculo Viração tem novas apresentações gratuitas em fevereiro

Com classificação livre e aberto ao público, o espetáculo de dança contemporânea Viração chega ao seu segundo ano com apresentações gratuitas marcadas para 8 e 9 de fevereiro em Fortaleza (CE). A obra artística que aborda a ancestralidade indígena na atualidade começou no trabalho de conclusão de curso (TCC) de João Paulo Barros para a Licenciatura em Dança na Universidade Federal do Ceará (UFC).

Além de João Paulo, que também dirige o trabalho, o elenco conta com os artistas da dança Clarissa Costa, Dayana Ferreira, Érica Martins e Júnior Meireles. Esses cinco bailarinos intérpretes-criadores começaram a pesquisa do movimento dançado a partir da questão “Já que não somos índios, como fazer para virar índios?”, que dialoga diretamente com o nome da obra, Viração.

Processo

“Norteados por essa pergunta, e desnorteados também, a gente ia se movendo, encontrando jogos e assuntos que nos motivavam a mover dentro desse processo, dentro do que cada um entendia do que era ser índio e do que cada um tem de mais próximo da cultura indígena”, conta Clarissa Costa. Então, revela João Paulo, apesar de o trabalho ter partido da temática indígena, “a gente chega num ponto que entende que a gente tá falando sobre a gente mesmo”.

Com uma dramaturgia não linear e sem apetrechos nem vestes que ligam o grupo ao imaginário indígena, o trabalho propõe, de início, duas leituras: “a primeira é de que não somos indígenas, a segunda é que índios não precisam usar cocar para serem índios”, comenta João Paulo. Nesse discurso cênico, o público vai, aos poucos, se colocando diante de questões que não são apenas dos indígenas, mas também de como cada um os enxerga.

Itinerante

Com dois anos de história, Viração já esteve no Maloca Dragão, na Bienal Internacional de Dança do Ceará, na Aldeia Tremembé da Barra do Mundaú, na Vila das Artes, dentre outros locais. O projeto foi apoiado pelo Edital das Artes de Fortaleza 2016 (Secultfor) e contemplado pelo XI Edital de Incentivo às Artes – Linguagem Dança, pela Secretaria de Cultura do Estado do Ceará. A Associação Viva Capoeira Viva, que cedeu espaço para criação e ensaios do espetáculo, foi outra parceira deste trabalho.

Crédito da foto: Jordenia Custodio

Serviço

Viração – Espetáculo de dança contemporânea
Dias 08 e 09 de fevereiro de 2019
Sexta e sábado, 14h
Local: Teatro do Centro Cultural Bom Jardim (CCBJ)
Rua 3 Corações, 400, Bom Jardim, Fortaleza – CE
Ingresso: Gratuito
Classificação: Livre

Deixe uma resposta