Coletivo Encontro Em Movimento estreia Prisão Contemporânea

O novo espetáculo do grupo Coletivo Encontro Em Movimento é baseado no poema “Escravidão Contemporânea”, através da escrita corporal e vivências de três mulheres, traz a discussão acerca das amarras que nos cercam na vida cotidiana. Com apresentação gratuita, o espetáculo estreia dia 03 de abril no Theatro Vasques, em Mogi das Cruzes.

Sobre a obra “Prisão Contemporânea”

Quais são as suas próprias prisões? Com esse questionamento, a obra “Prisão Contemporânea”, contemplada pelo edital do Programa de Ação Cultural (ProAc) do Governo do Estado de São Paulo, edital de Jovens Artistas para Produção de Primeiras Obras de Espetáculos e Temporadas de Dança, prêmio cidades do interior, proponente mogiana Beatriz Pozo, mostra através da escrita corporal a discussão acerca das amarras que vivenciamos em nossa vida cotidiana.

Baseada no poema “Escravidão Contemporânea”, premiado no Mapa Cultural Paulista de autoria de Carla Pozo, temas como: o tempo, excessos, consumismo, relacionamentos e angustias ganham forma com três intérpretes mulheres no palco, que também trazem para a cena suas próprias prisões.

O público dialoga diretamente com a obra e as intérpretes, através das rodas de conversa ao final de cada apresentação e também das oficinas de dança oferecidas em cada umas das cinco cidades por onde passarão.

Processo de pesquisa e criação

Com o desejo de refletir sobre os temas abordados no poema e tão presentes em nossa sociedade atual: as amarras e prisões, como o tempo, o rótulo, o consumismo e suas angústias.

Partindo desse questionamento norteador, três intérpretes-criadoras trabalharam a pesquisa de movimento, gestos, fotos do cotidiano, memórias e leitura do poema. Dando assim início a uma escrita corporal própria, crítica, poética e conceitual.

Um dos pontos interessante do trabalho é que toda paisagem sonora vou criada a partir da pesquisa de movimento das intérpretes, pelo poeta, músico e compositor Michael Meyson e apoio do músico Paulo Henrique Caetano, usando o programa de download gratuito LMMS – Linux MultiMedia Studio, trazendo ao palco uma união autoral e dinâmica do movimento com a música.

Coletivo Encontro Em Movimento

Fundado há dois anos, o Encontro em Movimento é formado pelas bailarinas e intérpretes Beatriz Pozo, Bruna Savini e Ingrid Laurentino, além de toda parte de produção, assessoria de Imprensa, luz, vídeo e trilha sonora de Thiago Lopes, Paulo Henrique Caetano, Lúcia Diniz, Rodolfo Leal e Carla Pozo. Contamos também com a participação especial da provocadora cênica Yaskara Manzini e na paisagem sonora Michael Meyson. Apesar de um grupo jovem, o coletivo tem na sua formação bailarinas premiadas, educadora física, participação em diversos cursos com profissionais renomados, em várias linguagens da dança e experiências internacionais. Um grupo que soma vivências distintas na construção de sua identidade artística, com muito amor, dedicação e estudo, não podemos esquecer do nosso agradecimento especial Valmiro Junior, grande incentivador do coletivo.

Temporada

Graças as parcerias com Secretaria de Cultura de Mogi das Cruzes, FUNDACC – Caraguatatuba coordenadora de dança Cristina Neves, Bertioga Geraldo Rodrigues, Suzano participação no Simpósio de Dança coordenação Juliana Lawall e em São Paulo Centro de Referência da Dança, a partir do dia três de abril o coletiva dará início a sua temporada de circulação da obra, todas as apresentações são gratuitas.

Mogi das Cruzes
03/04 – 15h e às 20h Theatro Vasques

Suzano
24/04 às 20h 25/04 às 16h Teatro Dr. Armando de Ré

Bertioga
29/04 15h – Igreja de Caiubura 19h – Bertioga Casa de Cultura

São Paulo
11 e 12/05 – 19h – Centro de Referência da Dança de São Paulo

Caraguatatuba
17/05 às 10h e às 20h – Teatro Municipal de Caraguatatuba

Deixe uma resposta