Cia. Noz de Teatro, Dança e Animação circula com dois espetáculos por 20 CEUs de São Paulo

Entre outubro e novembro, a Cia. Noz de Teatro, Dança e Animação faz apresentações dos espetáculos Oras Bolas e 100 + Nem Menos em diversos CEUs de São Paulo. A maratona tem início em 9/10, no CEU Inácio Monteiro, zona leste do município, onde serão apresentadas duas sessões de Oras Bolas, às 10h e às 15h. Ao todo, serão 40 apresentações, sempre gratuitas e livres para todas as idades, em 20 unidades da capital até fevereiro de 2019.

A circulação é viabilizada pela 7ª edição do Prêmio Zé Renato de Apoio à Produção e Desenvolvimento da Atividade Teatral para a Cidade de São Paulo, pela qual o grupo foi contemplado.

As apresentações também antecipam as comemorações dos 15 anos de existência da companhia, a serem celebrados em 2019. Formada em 2004, a Cia. Noz se destaca no cenário teatral paulistano por dedicar-se à pesquisa do teatro infantil não atrelado a um enredo. “Nossa linguagem é baseada na liberdade poética, na metáfora, na associação de imagens e na mistura de diferentes expressões artísticas”, afirma Anie Welter, diretora e fundadora do grupo.

Contemplado com o Prêmio Zé Renato, grupo antecipa aniversário de 15 anos com apresentações dos aclamados Oras Bolas e 100 + Nem Menos

Ainda segundo Anie, o eixo central da pesquisa da Cia. Noz é “a relação do ator com o objeto em cena, suas transformações possíveis das linguagens de teatro, dança, música, artes plásticas e animação de objetos”. Resultado dessa investigação são os dois espetáculos a serem apresentados, Oras Bolas (2005) e 100 + Nem Menos (2009), que, respectivamente, marcam o surgimento e consolidação do coletivo. Sucesso de público e crítica, ambas peças partem de um mesmo princípio estético e conceitual da companhia, que hoje conta com mais outros quatro espetáculos no repertório.

Em comum, os espetáculos visam estimular a criatividade de espectadores de todas as idades, inclusive bebês. São característicos nas peças do grupo os jogos cênicos e a manipulação de objetos, que sugerem formas e imagens de diferentes interpretações. “Neste universo, tonéis de plástico transformam-se em robôs; balaios de roupa, em seres fantásticos, e a fábula se redimensiona no ponto de encontro de diferentes áreas artísticas. Nosso teatro busca o inusitado das formas como libertação da racionalidade”, pontua a diretora.

Oras Bolas

Através de experiências lúdicas com bolas descobriu-se a essência da forma esférica no ser humano e no planeta. Formas geométricas, brinquedos, baldes e balaios transformam-se em personagens inusitados e originam histórias. O espetáculo apresenta um universo de bolas de todos os tipos: animadas, figurinos, e também na luz e sugere os primeiros contatos, ainda na infância, com as formas mais rudimentares presentes na natureza.

Direção: Anie Welter
Produção: Luciana Venancio
Assistência de Produção: Felipe Lwe e Regina Arruda
Operação técnica (luz e som): Rafael Petri e Jota Rafaelli
Elenco: Carla Mercado, Maiara Roquetti, Rodrigo Sampaio, Rafael Bolacha, Luciana Venancio e Elvira Cardeal. Stand In: Rafael Petri e Laís Trovarelli
Classificação: Livre (inclusive para bebês)
Duração: 45 min.

100 + Nem Menos

O espetáculo propõe uma viagem lúdica aos primeiros contatos da criança com o mundo dos números e do desenho. Técnicas de teatro, dança, animação de objetos e bonecos se mesclam a brincadeiras folclóricas, temas do cancioneiro popular e imagens que remetem à arte naïf e obras de Joan Miró e Paul Klee, numa grande e divertida brincadeira.

Direção: Anie Welter
Produção: Luciana Venancio
Assistência de Produção: Felipe Lwe e Regina Arruda
Operação Técnica (luz e som): Rafael Petri e Jota Rafaelli
Elenco: Carla Mercado, Laís Trovarelli, Luciana Venancio, Rafael Bolacha, Rodrigo Sampaio. Stand-ins: Maiara Roquetti, Jota Rafaelli.
Classificação: Livre (inclusive para bebês)
Duração: 45 min.

Programação

(Datas confirmadas até o momento)

9/10
Espetáculo: Oras Bolas
Local: CEU Inácio Monteiro (R. Barão Barroso do Amazonas, 23 – Guaianazes, São Paulo)
Horário: 10h e 15h

11/10
Espetáculo: Oras Bolas
Local: CEU Campo Limpo (Av. Carlos Lacerda, 704 – Pirajussara, São Paulo)
Horário: 9h30 e 14h30

17/10
Espetáculo: 100 + Nem Menos
Local: CEU Navegantes (R. Maria Moassab Barbour, s/n – Parque Res. Cocaia, São Paulo)
Horário: 11h e 15h

18/10
Espetáculo: 100 + Nem Menos
Local: CEU Meninos (R. Barbinos, 111 – São João Clímaco, São Paulo)
Horário: 9h30 e 13h30

23/10
Espetáculo: 100 + Nem Menos
Local: CEU Casablanca (R. João Damasceno, 85 – Jardim Paulista, São Paulo)
Horário: 9h30 e 14h

30/10
Espetáculo: Oras Bolas
Local: CEU São Rafael (R. Cinira Polônio, 100 – Conj. Promorar Rio Claro, São Paulo)
Horário: 10h e 14h

22/11
Espetáculo: 100 + Nem Menos
Local: CEU Azul da Cor do Mar (Av. Ernesto Souza Cruz, 2171 – Cidade Antonio Estevão de Carvalho, São Paulo)
Horário: 9h30 e 14h30

Cia Noz de Teatro, Dança e Animação

Criada em 2004 com a proposta de unir as linguagens de teatro, dança, animação de objetos, música e artes plásticas, além de investigar novos materiais na confecção de bonecos, adereços e cenários e novas possibilidades cênicas. Coordenada e dirigida por Anie Welter (ex-XPTO e Pia Fraus), tem como integrantes atores, bailarinos e artistas plásticos que atuam em processo colaborativo de pesquisa. Em 2017, inaugura o espaço Galpão dos Lobos, destinado ao público de todas as idades no bairro paulistano do Ipiranga, em parceria com Cia. Faz e Conta, Maracujá Laboratório de Artes, Cia. Conto em Cantos e Cia. Circo de Bonecos. Atualmente, tem no repertório seis espetáculos: Oras Bolas (2005); 100 + Nem Menos (2009); Pop (2011), ganhador do Prêmio FEMSA de Teatro Infantil e Jovem na categoria Música Originalmente Composta; Cocô de Passarinho (2013), ganhador do Prêmio APCA na categoria Melhor Espetáculo Infantil de Animação/Bonecos; O Sonho de Maria Luísa (2015), e Bê a Bach (2017), em parceria com o Grupo Furunfunfum. Já realizou várias temporadas em teatros particulares e públicos, apresentações na Rede Sesc-SP pelo interior, capital e litoral de São Paulo e em diversos festivais como FIT Rio Preto, FENTEPP, FILO, FENATIB, Floripa Teatro, entre outros. Contemplada por diversos editais como Circuito Cultural Paulista, Virada Cultural Paulista, ProAC, Viagem Teatral do SESI, Prêmio Zé Renato, entre outros.

Crédito da foto: Felipe Lwe | Cena de Oras Bolas

Deixe uma resposta