Cia. de Dança Deborah Colker apresenta nova montagem de Nó no Teatro Castro Alves

Crédito da foto: Flavio Colker

A Companhia de Dança Deborah Colker apresenta a nova versão do espetáculo , dias 25 e 26 de julho, às 21h, na Sala Principal do Teatro Castro Alves. Os bilhetes das filas A a Z custam R$ 140 (inteira) e R$ 70 (meia). Nas filas Z1 a Z11 R$ 75 (inteira) e R$ 37,50 (meia). Os ingressos estão à venda nas bilheterias do TCA e postos do SAC dos Shoppings Barra e Bela Vista, além do site Ingresso Rápido.

é um marco na trajetória de Deborah Colker. O espetáculo foi revisitado e traz transformações na cenografia e trilha sonora. As mudanças aplicadas refletem o amadurecimento dos últimos 13 anos da companhia. Os estudos da coreógrafa sobre tempo e espaço deram margem a diferentes montagens, tais como: Velox (1995), Rota (1997), Casa (1999) e 4 Por 4 (2002) – Segundo Deborah Colker “Para mergulhar naquilo que vê como a tragédia e a complexidade dos impulsos, o tema de Nó é o desejo”.

Ainda segundo Deborah Colker, “O corpo é o lugar do desejo e ele erotiza quando dança. Agora, 13 anos após a estreia, é que me sinto mais segura para fazer alterações. Nó tem essa liberdade”.

O primeiro ato de começa com uma árvore no centro do palco. São 120 cordas representando laços afetivos. Os bailarinos as soltam aos poucos, até que se assemelhem a uma floresta. Eles se valem de técnicas como a bandage – o uso de cordas para controle da dor e do prazer. “No primeiro duo, o homem amarra a mulher por escolha dela. Dominação e submissão estão presentes na consciência plena de ambos. Não há liberdade sem dor, não há prazer sem consciência”, afirma Deborah.

No segundo ato, a companhia dança dentro e em torno de uma grande caixa transparente criada por Gringo Cardia, diretor de arte. Se as cordas apontam para a natureza, a caixa evoca o mundo urbano. “O desejo e os enigmas começam no corpo e saltam para fora da forma que conseguem”, diz Deborah.

As sessões em Salvador serão produzidas pela Caderno 2 Produções, com apoio cultural da Petrobras e apoio de mídia da Rede Bahia, TVE e Educadora FM.

A Petrobras é mantenedora da Cia de Dança Deborah Colker desde 1995.

Serviço


Companhia de Dança Deborah Colker
Dias 25 e 26 de julho de 2019
Quinta e sexta, às 21h
Local: Teatro Castro Alves – Sala Principal
Praça Dois de Julho, s/n – Campo Grande, Salvador – BA
Ingresso: de R$ 37,50 (meia) a R$ 140 (inteira)
Vendas on-line: Ingresso Rápido
Duração: 1h20, com intervalo

Deixe uma resposta